M. Shadows sobre novo álbum: “Ainda estamos escrevendo material”

M. Shadows foi entrevistado recentemente pela WGRD, popular rádio da cidade de Grand Rapids, no estado do Michigan. Na entrevista,  o vocalista respondeu questões sobre o show na cidade, o processo de andamento do novo álbum, Brooks como novo baterista e sua adaptação na banda, e os planos do Avenged Sevenfold para sua nova turnê.

 Com gravações iniciadas no segundo semestre de 2015, o sétimo álbum da banda continua em processo de composição, segundo o vocalista: “Sim, estamos muito indecisos. Estamos compondo e adicionando coisas novas. Sabe, estamos trabalhando, e isso é tudo o que posso dizer sobre isso. É tudo que posso dizer no momento. Há muita especulação online, mas não nos preocupamos. Deixamos que falem. Assim que houver algo a ser mostrado, o mundo saberá.  Mas agora, nós apenas estamos trabalhando nos materiais”, finalizou.

 Com o fim da turnê Hail to the King, realizado com shows da banda pela ásia no primeiro semestre de 2015, a banda pretende trazer inovações em suas novas apresentações. “No momento, nesta turnê, nós estamos pensando em levar algo realmente grandioso, e uma vez que o ‘Hail To The King’ está com três anos, não é apropriado para trazer um material temático. Então acho que vamos começar a fazer o que estamos fazendo nos ensaios que é trazer de volta muita coisa antiga que as pessoas não ouvem a muito tempo ou que nunca tocamos. Como apresentação de ‘Planets’ na outra noite e estamos tocando uma música chamada ‘Acid Rain’. Então queremos encher a setlist de coisas que não são hits e fechar algo grandioso em termos de produção enquanto a gente constrói algo muito maior para o futuro e próximas turnês.”

, disse o vocalista.

 Com as boas-vindas a Brooks, realizado com um show gratuito no Fisrt Avenue da cidade de Minneapolis, Shadows falou do o processo de adaptação do baterista como novo membro da banda. “Bem, o processo foi realmente fácil, porque… Bem, em primeiro lugar, tivemos que manter em segredo, porque tínhamos de respeitar o Bad Religion e o que ele ia ter que lhes dizer que decidiu que queria tocar conosco e nós somos grandes fãs do Bad Religion; eles são uma das bandas favoritas com a qual crescemos, e eles ainda são – eles ainda fazem essa grande música. E assim, para nós, era apenas questão de trabalhar com ele por um ano para poder anunciar, porque nós queríamos ter certeza de que ele era o cara certo. Mas, no fundo, nós já sabíamos. Nós conhecemos Brooks por anos, e nós sabíamos que ele era um baterista fenomenal. Sabíamos que não havia nenhuma maneira de ele ter dificuldade para recriar partes de The Rev e Mike Portnoy. Então, basicamente, para nós, era sobre como escrever com ele, e escrever canções com ele, para ver como ficaria, antes de decidirmos puxar o gatilho e assim, uma vez que fizemos isso, nós só sabíamos que … Quer dizer, você pode mostrar uma canção a esse cara e ele pode aprender em três escutas; ele é um bom baterista. Então, ele é provavelmente mais preparado do que nós, honestamente, em algumas dessas músicas antigas, especialmente para os guitarras – que possuem todos esses duetos e todos esses solos. E então Brooks, ele soube aperfeiçoá-los. Você pode mostra-lo uma música e ele pode aprendê-la em um dia, o que é genial”, disse ele.

A apresentação na cidade de Grand Rapids, em Michigan, faz parte de uma pequena turnê com o Avatar, Volbeat e Killswitch Engage, que ocorrerá no dia 14 de setembro na Van Andel Arena.

Blabbermouth


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s